RESPEITE A PALAVRA DE DEUS


“Meditarei nos teus preceitos e às tuas veredas terei respeito”. Salmo 119.15

“Meditarei nos teus preceitos e às tuas veredas terei respeito”. Salmo 119.15

Muitos programas humorísticos, infelizmente, esforçam-se para fazer o povo rir, zombando da Palavra de Deus e
escarnecendo da fé cristã. A Palavra de Deus tem sido motivo de zombaria nas telenovelas, nos filmes, no teatro, nas cortes, nos parlamentos e nas passarelas de carnaval. Aqueles que zombam de Deus colhem os resultados nefastos dessa loucura.
A Palavra é enfática: “Não vos enganeis: de Deus não se zomba; pois aquilo que o homem semear, isso também ceifará”. (Gl 6.7) Os escarnecedores beberão o refluxo maldito do seu fluxo insensato. O salmista declara que tem respeito pelas veredas de Deus. E de onde procede essa reverência? De meditar nos preceitos divinos. Aqueles que conhecem a Palavra de Deus, respeitam-na. Aqueles que nela meditam, reverenciam-na.
Aqueles que a observam, temem a Deus e fogem do pecado. A ignorância da verdade desemboca no erro. Aqueles que zombam do que não conhecem são tolos. Aqueles que não respeitam a Deus nem a sua Palavra rasgam a cara
em ruidosas gargalhadas. Mas esse riso zombeteiro é fruto da insensatez. Essa falta de respeito com as coisas de Deus é um claro diagnóstico de fundo do poço, de decadência consumada. Que o nosso coração se apegue ao Senhor para meditar nos seus preceitos. Que respeitemos as veredas de Deus!